terça-feira, 18 de julho de 2017

Autárquicas: Lista independente em Formariz e Ferreira

formariz e ferreira - ind

Está ao rubro o processo eleitoral em Formariz e Ferreira, quando ainda faltam mais de dois meses para as eleições autárquicas. Um grupo de cidadãos descontentes com a escolha socialista avançou com uma lista independente e promete dar luta e bons resultados.

À frente desta lista independente, ainda que com o apoio administrativo do Partido Ecologista Os Verdes (PEV), está Jorge Bento Ceia Lima, que nos últimos 12 anos fez parte das listas socialistas à Junta de Freguesia de Formariz, primeiro, e à União de Freguesias de Formariz e Ferreira, no último acto eleitoral. Bento Ceia Lima, que neste mandato é 2º secretário da assembleia de freguesia e que, em 2013, com o falecimento de Eugénio Gonçalves Pereira, chegou mesmo a ser tesoureiro da junta, é o rosto mais visível do grupo que resolveu avançar com esta candidatura por discordar das escolhas do PS.

Bento Ceia Lima terá sido, numa primeira fase, há cerca de quatro meses, convidado a encabeçar a lista socialista à União de Freguesias de Formariz e Ferreira, após ser conhecida a indisponibilidade de Manuel Mendes para continuar. Depois disso, contudo, face a exigências de Ferreira, os candidatos chegaram a um acordo assinado a quatro mãos, entre Vitor Paulo Pereira, Armando Araújo, António Pereira e o próprio Bento Ceia Lima, em que ficou selado que avançaria António Pereira como cabeça de lista mas os dois lugares seguintes seriam para Formariz. Contudo, ao que o Notícias de Coura apurou, o acordo não foi cumprido e, quando foi conhecida a distribuição final da lista, verificou-se que nos três primeiros lugares estava apenas um nome de Formariz, o de Duarte Ribas.

Estava dado o mote para o surgimento duma lista independente, que Bento Ceia Lima foi convidado a liderar por um grupo de descontentes. Em pouco mais de uma semana resolveram as questões legais, servindo-se do apoio administrativo do PEV, por intermédio de Arlindo Alves, antigo presidente da Junta de Freguesia de Formariz, evitando assim alguma burocracia que de outra forma teriam de cumprir.

Apesar disso, garantem os subscritores, a lista é completamente independente, tendo sido o próprio cabeça de lista quem convidou todos os elementos. Arlindo Alves, apesar do apoio, não fará parte da lista. Neste momento só é conhecido o cabeça de lista, mas o NC sabe que a composição da mesma está praticamente fechada e que no segundo lugar ficará uma pessoa de Ferreira, enquanto a terceira posição será ocupada por outro formaricense.

A candidatura independente, apesar de reconhecer que a corrida eleitoral não será fácil para nenhum dos lados, está esperançada num bom resultado. Recorde-se que, nas eleições autárquicas de 2013, o PS conquistou cinco mandatos, com 57,08% dos votos. A CDU conseguiu um lugar e 9,87% dos votos e o PSD, que ainda não se apresentou às eleições deste ano, alcançou 30,04% dos votos, o que lhe valeu três mandatos.

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Autárquicas: António Pereira em Formariz e Ferreira

antonio pereira - ferreira 2

Depois de algumas semanas de indecisão, está finalmente encontrado o cabeça de lista do PS para a União de Freguesias de Formariz e Ferreira, nas eleições autárquicas do próximo dia 1 de Outubro. A escolha recaiu em António Pereira, actual número dois daquela união, e que anteriormente já tinha sido presidente da Junta de Freguesia de Ferreira.

António Pereira sucede, desta forma, a Manuel Mendes, que liderou a lista socialista há quatro anos, e com quem fez equipa ao longo deste mandato. A sua nomeação vem acabar com as incertezas das últimas semanas onde os dois nomes andaram numa autêntica roda vida, ora indicando um como candidato, ora pronunciando o outro como cabeça de lista.

Desconhece-se, para já, quem integrará a lista de António Pereira, nomeadamente quem irá representar Formariz. No actual executivo, recorde-se, o presidente é de Formariz, e os outros dois elementos são de Ferreira.

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Autárquicas: Recandidatura de Fernando Fernandes em aberto

Fernando Fernandes pode voltar a concorrer a novo mandato para a União de Freguesias de Paredes de Coura e Resende. Depois de ter praticamente afastado esse cenário em Novembro passado, a hipótese de recandidatura ganhou força nas últimas semanas. Mas, ao que tudo indica, não será pelo PSD.

Depois de em Novembro do ano passado ter afastado, quase por completo, a hipótese de recandidatura, agora, a um mês do fim do prazo para a entrega das listas concorrentes às eleições autárquicas do próximo dia 1 de Outubro, o nome de Fernando Fernandes volta a surgir como potencial candidato à União de Freguesias de Paredes de Coura e Resende, que conquistou ao PS nas eleições de 2013. Está em curso uma operação de recolha de assinaturas para efectivar a candidatura e o Notícias de Coura sabe que Fernando Fernandes estipulou um número mínimo de assinaturas que, a ser atingido, representaria a candidatura a novo mandato.

Em entrevista ao NC em Novembro, o actual presidente da união de freguesias dizia que existia apenas uma “ínfima hipótese de voltar a ser candidato”, explicando que precisava de dedicar mais tempo à família e à sua vida profissional. Agora, contudo, parece que essa ínfima hipótese se revelou suficiente para motivar nova candidatura. Ao que tudo indica, Fernando Fernandes terá sido impulsionado por um grupo de cidadãos que, não contente com a alternativa apresentada pelo PS e sem vislumbrar outros nomes a surgirem no Partido Social Democrata, resolveu instigar o actual presidente da união de freguesias a concorrer a novo mandato.

De qualquer das formas, parece certo que, a acontecer, esta nova candidatura de Fernando Fernandes terá um cariz independente. “Vai ser uma candidatura independente, depois se houver algum partido, nomeadamente o PSD, que a quiser apoiar, isso é outra história”, explicou ao NC fonte ligado ao processo de recolha das assinaturas. Recorde-se que Fernando Fernandes desvinculou-se do PSD em meados do ano passado. Do lado dos social-democratas courenses, no entanto, a candidatura de Fernando Fernandes é dada como certa e com as cores do PSD.


PS: Sandrina Silva na lista da vila e Resende

Do lado do PS, é conhecido mais um nome da lista encabeçada por Cláudia Pires de Lima que vai tentar recuperar a União de Freguesias de Paredes de Coura e Resende para o Partido Socialista. Trata-se de Sandrina Silva e, desta forma, nos primeiros três lugares da lista, o PS vai apresentar duas mulheres. Enfermeira de profissão, Sandrina Silva, é filha do antigo proprietário do Café Courense, Belarmino Barreiro da Silva, que faleceu em Abril do ano passado.